Windows 10 IoT

Com o Windows 10 temos muitas novidades para fabricantes e integradores de hardware.

A Microsoft vem trabalhando com dispositivos dedicados a mais de 15 anos. Ela tem em seu portfólio uma plataforma chamada Windows Embedded para diversas soluções para pontos de venda/ serviços, digital signage, automação industrial, saúde. Com esta plataforma era possível desenvolver soluções para processadores x86 (Windows Embedded XP, 7, 8.1) e para processadores ARM (Windows CE & Compact).

Agora com o lançamento do Windows 10, a grande novidade é a utilização de uma mesma plataforma do sistema operacional para diferentes processadores e soluções como o XBox, Hololens, IoT, telefones, computadores, dispositivos embarcados e muito mais, com uma segurança necessária para o mundo corporativo, do dispositivo até a nuvem.

Com o Windows 10, podemos desenvolver soluções de IoT (Internet of Things – Internet das Coisas) conectando os dispositivos entre si e com a nuvem, com os serviços do Azure IoT. Com isso é possível analisar os dados gerados e criar soluções completas de análises analíticas e preditivas.

Os produtos disponíveis para as soluções de IoT da Microsoft são:

  • Windows 10 IoT Enterprise = Windows 10 Enterprise
  • Windows 10 IoT Mobile Enterprise = Windows 10 Mobile Enterprise
  • Windows 10 IoT Core

windows_10_iot

Veja mais em: http://blogs.windows.com/windowsexperience/2015/03/18/windows-10-iot-powering-the-internet-of-things/

Windows 10 IoT Enterprise: Processadores x86

Requisitos mínimos: 1Gb RAM, 16Gb Storage

Tecnicamente, o Windows 10 IoT Enterprise é a mesma versão do Windows 10 Enterprise, com os mesmos benefícios e recursos do mundo corporativo e do mundo embarcado.

Imagem1

Alguns dos benefícios que estão disponíveis são:

  • Filtro de escrita (UWF – Unified Write Filter)
  • Personalização de marca
  • Shell Launcher
  • Assigned Access

Licenças disponíveis:

  • Windows 10 IoT Enterprise: Caixas eletrônicos, dispositivos industriais, dispositivos médicos
  • Windows 10 IoT Enterprise for Retail or Thin Client: Pontos de venda, Quiosques, Thin Client e Digital Signage
  • Windows 10 IoT Enterprise for Tablets: Tablets industrias com telas ≤ 10.1″
  • Windows 10 IoT Enterprise for Small Tablets: Tablets industrias com telas < 9″

É possível realizar um download e testar o Windows 10 Enterprise por até 90 dias:download

Se você é um fabricante de hardware ou um integrador de soluções e já utiliza as versões do Windows Embedded, segue uma referência para a migração da sua solução para o Windows 10.

Windows_10_IoT_Enterprise

Windows 10 IoT Mobile Enterprise: Processadores ARM

Requisitos mínimos: 512Mb RAM, 4Gb Storage

  • Windows IoT Mobile Enterprise: Este produto é exatamente igual ao Windows 10 Mobile Enterprise e é ideal para soluções industriais de dispositivos portáteis.

Saiba mais sobre esta versão do Windows 10: http://windows.microsoft.com/en-gb/windows-10/meet-windows-10-mobile.

Windows 10 IoT Core: Processadores ARM e x86

Requisitos mínimos: 256Mb RAM, 2Gb Storage

  • Windows 10 IoT Core: Ideal para pequenos dispositivos, dispositivos embarcados que possam ou não ter uma interface de usuário.

É possível realizar o download e utilizar o Windows 10 IoT Core gratuitamente na Raspberry PI 2, na MinnowBoard Max e na DragonBoard410c. Veja mais informações sobre o Windows 10 IoT Core em https://www.windowsondevices.com/.

IoT-2

Vivian Heinrichs

Vivian Heinrichs é Engenharia da Computação e trabalha com o desenvolvimento de sistemas operacionais para soluções específicas baseadas na plataforma Windows Embedded na empresa Compusoftware Informática LTDA. Possui as certificações Windows Embedded Black Belt Sales e Technical Master. Em Outubro de 2014, Vivian foi premiada pela primeira vez como Most Valuable Professional (MVP) da Microsoft.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>